Nóbrega e Sousa - Obra Musical

quarta-feira, janeiro 10, 2007

Nóbrega e Sousa - Breves Dados Biográficos

Carlos de Melo Garcia Correia Nóbrega e Sousa nasceu em Aveiro a 4 de Novembro de 1913 e faleceu em Lisboa a 3 de Abril de 2001, e foi, sem dúvida, uma das figuras de maior talento e valor da música portuguesa no séc. XX. Apesar de o seu nome estar associado à canção ligeira, com que se notabilizou junto do público, terminou o curso superior de Piano no Conservatório Nacional, em Lisboa, onde foi aluno de Tomás Borba, de Luís de Freitas Branco e de Vianna da Motta. Já por essa altura, no entanto, estava tomado de amores pela música ligeira, o que fez com que a sua primeira obra publicada, Aventura de Amor, fosse uma valsa. Publicada pela casa Sassetti, embora custeada inicialmente pelo autor, a partitura vendeu os seus quinhentos exemplares em quinze dias, e foi o primeiro de muitos sucessos. Mantendo uma carreira como pianista acompanhador, Nóbrega e Sousa entra para a antiga Emissora Nacional em 1940, onde exercia funções de assistente de programação. Começa também a colaborar no teatro de revista, escrevendo músicas que granjearam grande sucesso na época. Não é portanto admiração para ninguém quando, em 1958, o compositor vê a sua canção "Vocês Sabem Lá" atingir um sucesso estrondoso no 1º Festival da Música Portuguesa (Figueira da Foz), na interpretação de Maria de Fátima Bravo. Essa época coincidiu com o início da comercialização em Portugal dos discos em vinil de 7 polegadas, com duas canções de cada lado, o vulgar EP (extended play), e foi precisamente a partir dessa época que o sucesso de Nóbrega e Sousa aumentou. Era agora possível a uma maior faixa de público levar para casa as músicas que ouvia na rádio, já que a vulgarização da prensagem do vinil trouxe também capas coloridas e preços mais baixos, o que tornou o antigo disco de 78 rpm algo de obsoleto e pouco atractivo.

Este blog pretende assim ser uma homenagem à obra musical de Nóbrega e Sousa, traçando o seu percurso a partir da segunda metade da década de 1950 através dos discos em que surgem canções de sua autoria. Embora vá ser privilegiado o disco em vinil, não serão esquecidos os CD's. Para cada registo, será apresentada a capa, a ficha técnica e o alinhamento completo, para além de quaisquer outras informações adicionais pertinentes. Espera-se assim contribuir para uma maior divulgação das obras de Nóbrega e Sousa, muitas delas arredadas do contacto público há décadas, e contribuir para que se possa cumprir o que Jerónimo Bragança (o mais fiel letrista das músicas do compositor) deixou expresso na biografia "Nóbrega e Sousa - Uma Vida Cheia de Música", de 1998: que alguma editora publique em CD parte substancial do legado deste aveirense de mérito. Já tarda tal edição!

Etiquetas:

8 Comments:

Blogger Regina said...

Olá amigo,

Fico com curiosidade de cenhecer melhor este artista.
Espero por ler mais postagens a seu respeito.

Um abraço,

Regina

11/01/2007, 14:49:00  
Blogger Filipa said...

Obrigada por nos fazer conhecer e não esquecer este compositor.
Espero poder continuar a ver posts da vida e obra de Nóbrega e Sousa.

09/03/2007, 13:18:00  
Blogger Fadista said...

Parabéns pelo seu trabalho, em ambos os blogs, em prol da música portuguesa.

22/03/2007, 23:12:00  
Anonymous António e.s said...

Entendo que uma das suas obras-primas é "começar de novo", com interpretação sublime de Simone de Oliveira, então no pleno uso das suas invulgares capacidades vocais.
"Começar de novo" com letra de David Mourão-Ferreira soa a moderno e a clássico e é uma obra intemporal que apetece recantar, rearranjar, ouvir para sempre...

14/10/2007, 16:07:00  
Anonymous cfc said...

podia colocar aqui a capa do livro e dados do mesmo

encontrei o seguinte url
~
http://www.historia.com.pt/vinyl/txt/1964.htm

12/03/2008, 19:38:00  
Blogger bissaide said...

Do livro da Dom Quixote? Aqui o propósito era mais salientar a obra musical de Nóbrega e Sousa, mas infelizmente não tenho tido o tempo que gostaria para trabalhar no site...

12/03/2008, 19:52:00  
Anonymous Ricardo Moço said...

É com surpresa que encontro este website dedicado exclusivamente ao Nóbrega e Sousa!
É fundamental que se reúnam e preservem as informações do passado e catálogos, porque, como as coisas andam, correm o risco de se perder para sempre!

Aqui uma homenagem ao Nóbrega e Sousa:

http://www.youtube.com/watch?v=95nmzCz7Gvg

Obrigado pela iniciativa e continue o importante trabalho!

22/07/2010, 02:44:00  
Blogger bissaide said...

Obrigado pelo comentário, Ricardo. Não tenho conseguido de facto actualizar este blog, ao contrário do que a obra vastíssima e importantíssima de Nóbrega e Sousa merece! Vamos ver, nunca se sabe o que pode surgir e quando.

23/07/2010, 18:51:00  

Enviar um comentário

<< Home